segunda-feira, agosto 12, 2013

Blue October - Hate Me



Há músicas que me lembram determinados momentos. Esta é o meu limite. O Stop. O "pára", que já não dá mais. O fundo do poço.

Ultimamente , o sentimento imenso de depressão. O sono, a contrastar com noites inteiras e vazias. A espiral. A derrota. A revolta. Saber que agora tenho o que nunca tive. A dor do remorso de não conviver facilmente com essa realidade. Não conseguir dar o melhor de mim, sem justificar porquê!

Tantas vezes na memória minutos daquele dia. Conduzir sem razão. O choro compulsivo. O cabelo. O meu cabelo cortado. Eu, desfeita em pedaços. Pedaços da vida que continuo a não recuperar. Imagens que se sucedem. O desespero e a dor. A dor dilacerante. O passo em frente. Nem esse consigo dar. Acabar com isto tudo. Parar, enfim...

1 comentário:

O Sexo e a Idade disse...

Vá, coragem!
Um dia de cada vez!
No fim tudo acaba bem, se ainda não está bem é porque ainda não é o fim :)